Conheça o MackEnem, novo projeto dos Colégios Mackenzie

Programa tem como objetivo preparar alunos do ensino médio para a prova do ENEM

01.07.202014h00 Comunicação - Marketing Mackenzie

Compartilhe nas Redes Sociais

Nesse ano de 2020, os Colégios Presbiterianos Mackenzie (CPM) começam um novo programa, inteiramente virtual. O MackEnem, aprovado pela Diretoria de Educação (DIRED), do Instituto Presbiteriano Mackenzie (IPM), na pessoa do Dr. Ciro Aimbiré, foi pensado e construído por professores mackenzistas de todas as unidades dos colégios, tem como principal objetivo elevar o desempenho dos alunos do ensino médio e prepará-los para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). 

Composto por um grupo de professores dos Colégios Mackenzie - Brasília, Castro, Palmas, São Paulo, Tamboré e AEJA - as aulas serão desenvolvidas com o mesmo padrão pedagógico e a mesma sequência didática na abordagem de ensino híbrido. Por meio de videoaulas, os alunos terão contato com temas imprescindíveis ao ENEM e também receberão direcionamentos sobre a melhor performance para execução do exame, como uma mentoria. 

Implementação 

O projeto terá três momentos de implantação. O primeiro será no retorno das aulas para todas as séries dos ensinos médios de todos os Colégios Mackenzie, com a aplicação on-line do simulado ENEM, nos dias 11 e 18 de julho. Como explica Márcia Braz, superintendente de Educação Básica do Instituto Presbiteriano Mackenzie (IPM), até o fim do ano letivo, demais simulados nos modelos “da FUVEST, Vestibular Mackenzie, UEPG, Processo de Avaliação Seriada (PAS-UnB), etc. serão aplicados de acordo com as especificidades locais de cada Colégio”, conta. 

Já o segundo momento, será no mês de agosto, com as atividades acadêmicas remotas, destinadas temporariamente às terceiras séries do Ensino Médio. O terceiro e último estágio de implantação será no início de 2021, período no qual o Programa estará implantado para todo o Ensino Médio dos Colégios. 

Segundo a superintendente, o MackEnem vem responder a um dos desafios acadêmicos do aluno mackenzista: estar preparado para enfrentar o ENEM e demais vestibulares com alto grau acadêmico e habilidades socioemocionais desenvolvidas nos três anos, “tornando-o competitivo, seguro, determinado, focado, exatamente pela sistematização das vivências acadêmicas que o programa possibilitará”, pontua. 

Diferenciais do projeto 

Um dos diferenciais do projeto é que o aluno, independentemente do lugar do seu colégio Mackenzie, terá oportunidades de aprender e ser aconselhado por diversos professores mackenzistas, experts na preparação e treinamento acadêmico para realização do exame.

“Teremos numa mesma sala virtual – encontro síncrono – alunos do ensino médio dos nossos Colégios que terão aula com professores Mackenzistas. Resumindo, é um programa ‘inter e intra Mackenzie’, explica a superintendente. 

Outro ponto didático, o qual os alunos terão acesso, serão as lives temáticas com professores e alunos dos Colégios, “momentos de descontração, com palavras de ânimo, e muita sinergia que só quem é Mackenzie sabe o que significa” explica Márcia. 

Como já pontuado, o projeto oferece aos alunos mackenzistas uma oportunidade de elevarem seu desempenho no final da educação básica.

 “De modo a conquistarem via o Exame Nacional do Ensino Médio, aprovações nas melhores universidades brasileiras”, finaliza ela. 

As inscrições estarão abertas na primeira semana de julho. Os alunos que se inscreverem no Simulado ENEM – que ocorrerá nos dias 11 e 18 de julho, automaticamente participarão das ações do programa MackEnem, conforme seu tempo de implementação. 

“Confia ao Senhor as tuas obras, e os teus desígnios serão estabelecidos” Pv 3:16