Escola de Engenharia

EE - Universidade Presbiteriana Mackenzie

Estágios e Desenvolvimento do Protagonismo Estudantil

A realização de estágio possibilita ao aluno a aquisição de experiência prática em sua área de estudo, complementando sua formação profissional, desenvolvendo hard e soft skills (competências técnicas e não-técnicas, respectivamente), por meio da aplicação de conceitos teóricos em situações reais.

O estágio é regido pela Lei nº 11.788 de 25 de setembro de 2008 e legislação complementar.

Como o estágio constitui ferramenta para inserção no mercado de trabalho, recomenda-se que o aluno busque oportunidades em organizações que utilizem tecnologia atualizada e permitam sua posterior efetivação.

Modalidades de Estágio

Para os cursos de Engenharia e Química Bacharelado, existem duas modalidades de estágio:

  • Estágio Não-Obrigatório: estágio que fica a critério do aluno realizar ou não, por ser não-obrigatório. Pode ser feito a partir da 1ª etapa do curso.
  • Estágio Obrigatório (Supervisionado): estágio previsto nos Projetos Pedagógicos de Curso (PPCs), de caráter obrigatório para o cumprimento de créditos necessários a colação de grau. O aluno é acompanhado por um professor, que o supervisiona no desenvolvimento de suas atividades, dentro do componente curricular Estágio. O componente curricular Estágio é oferecido a partir da 8ª etapa nos cursos de Engenharia e da 5ª etapa no curso de Química Bacharelado. O aluno deve cumprir, no mínimo, 240 horas de Estágio Obrigatório para colar grau.
Oportunidades de Estágio

As oportunidades de estágio, assim como vagas para trainees e profissionais graduados, oferecidas para a Escola de Engenharia, são divulgadas em:

Documentação

Independentemente da modalidade de estágio, se não-obrigatório ou obrigatório (supervisionado), o aluno deverá atentar para 3 documentos na realização do estágio:

  • Termo de Compromisso de Estágio (TCE): deve ser emitido para formalizar o início do estágio mediante a Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Esse documento é estabelecido entre o aluno, a empresa em que o aluno realiza o estágio e a Universidade Presbiteriana Mackenzie (e, se houver, pelo agente de integração também).
  • Termo Aditivo ao Termo de Compromisso de Estágio (TAE): esse documento deve ser emitido em caso de prorrogação do estágio ou mudança em uma ou mais condições previstas no TCE.
  • Termo de Rescisão do Estágio (TRE): deve ser emitido para formalizar o término do estágio mediante a UPM.

 
Desde 18/OUT/2021, a Coordenação de Estágios e Carreiras do Mackenzie (CDEC – antigo Setor de Estágios ou Área Administrativa de Estágio) não recebe os documentos acima mencionados para assinatura pelo e-mail estagio@mackenzie.br. As assinaturas de TCEs e TAEs somente serão feitas pelo site do Mackenzie Carreiras, acessível em https://carreiras.mackenzie.br.

Procedimentos

Para assinatura de TCEs, TAEs e TREs, favor consultar as instruções contidas na página da CDEC: https://www.mackenzie.br/aluno-e-antigo-aluno/universidade/area-administrativa-de-estagio.

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES:

  • A Tutora de Desenvolvimento de Carreira da Escola de Engenharia não está autorizada a assinar TCEs, TAEs e TREs que não tenham sido analisados e validados pela CDEC.
  • Em caso de dúvidas, favor entrar em contato com a Tutora de Desenvolvimento de Carreira da Escola de Engenharia, cujo contato segue abaixo.
Contatos
Profª Me. Gisele Szilágyi

Profª Me. Gisele Szilágyi

Tutora de Desenvolvimento de Carreira da Escola de Engenharia

Contatos