Centro de Rádio Astronomia e Astrofísica Mackenzie

CRAAM

Projetos em Andamento

RÁDIO TELESCÓPIO POEMAS - Projeto FAPESP (2009/50637-0)

O sistema POEMAS é formado por dois telescópios, os quais monitoram o Sol diariamente, operando em duas faixas de comprimento de onda milimétrica, 45 e 90 GHz, com medidas da polarização circular. No sistema POEMAS, a emissão solar detectada é automaticamente calibrada para temperatura de brilho e armazenada. Sua rotina também inclui a medida da opacidade da atmosfera terrestre em certos períodos durante as observações diárias.

Responsável

Adriana Valio (avalio@craam.mackenzie.br)

O banco de dados dos POEMAS possui observações desde Novembro de 2011 até Dezembro de 2013. Estes dados estão disponíveis e podem ser solicitados via email acima enquanto aguarda a manutenção do equipamento.

Justificativa

O espectro de explosões solares contém informação importante sobre a física envolvida no processo explosivo. Atualmente, entretanto, existe uma grande lacuna em frequência desde 20 até 200 GHz. Infelizmente esta lacuna em frequência impede a determinação de vários parâmetros de explosões solares como: 

(i) a frequência do pico espectral, da qual se deduzem a intensidade do campo magnético da fonte emissora e a densidade de elétrons emissores; 

(ii) o índice espectral da fonte opticamente fina, relacionado diretamente com o espectro de energia dos elétrons acelerados, cujo espectro depende do mecanismo de aceleração presente nas explosões; e

(iii) outros parâmetros físicos como tamanho da fonte, presença de inomogeneidades que também podem ser inferidas a partir de um espectro com completa resolução espectral. 

Recentemente foi descoberta uma nova componente espectral em altas frequências com fluxo aumentando com a frequência, acima de 200 GHz. Esta componente é distinta da componente tradicional observada em microondas, a qual possui um pico por volta de 10 GHz. Para elucidar a natureza das duas componentes (microondas e submilimétrica) e determinar os parâmetros físicos que caracterizam as explosões solares, torna-se essencial observar nas frequências intermediárias de 45 e 90 GHz.

Localização

Os Telescópios foram instalados no observatório Complexo Astronômico El Leoncito

(CASLEO), na Argentina a 2550 m de altitude local ideal para observação solar na faixa de altas frequências de rádio. Neste mesmo local está instalado desde 1999, o Telescópio Solar Submilimétrico (SST), o qual monitora diariamente o Sol em 212 e 405 GHz.

Especificações

O instrumento possui dois receptores para patrulhamento solar em 45 e 90 GHz, com medidas de polarização circular à direita e à esquerda com resolução temporal de 10 ms. O telescópio em 45 GHz é formado por um refletor que possui 44 cm de diâmetro e em 90 GHz é formado por uma lente com diâmetro de 16.5 cm. Projetado para observar todo o disco do Sol, apresenta uma largura de feixe à meia potência de 1,4o. Possui uma sensibilidade de 2 e 4 K que corresponde a 4 e 20 Unidades de Fluxo Solar (1 SFU = 104 Jy) e uma eficiência de abertura de 50+5% e 75+8% em 45 e 90 GHz, respectivamente (Valio et al. 2013, Solar Physics, 283:651:665).

 

 

45 (GHz)

90 (GHz)

FWHM

1,4o

1,4o

Sensibilidade (K)

2

4