Atualidades

Professora italiana lança livro no Mackenzie

Academia Mackenzista de Letras (AML) é patrocinadora da publicação

27.09.201915h00 Comunicação - Marketing Mackenzie

Compartilhe nas Redes Sociais

No final da tarde de quarta-feira, dia 25, foi lançado o livro Cultura como uma forma elevada do espírito, a valorização do patrimônio cultural de Benedetto Croce ao Art Bonus, da professora italiana Vitulia Ivone, da Universidade de Salerno. A obra é publicada pela Editora Brasil Multicultural e o lançamento aconteceu no campus Higienópolis

O livro narra como aconteceu a proteção de bens culturais na Itália desde de 2010, quando a última lei sobre proteção da cultura foi sancionada. “Quando na cidade de Nápoles, Sul da Itália, estavam construindo um parque maravilhoso, encontraram um barco do tempo antes do ano 1000, e quando ocorre uma coisa como esta na Itália, tudo para!”, conta a autora, que complementa: “Bens culturais na Itália são prioridade. E por essa razão, me interessava deixar aos estudantes brasileiros esta ideia, esta perspectiva de tutela da cultura no geral”.

O presidente da Academia Mackenzista de Letras (AML), Nelson Câmara, participou do evento e declarou a razão da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) receber o lançamento: “A professora Vitulia já recebeu, em outra oportunidade, uma homenagem da Academia que outorgou o diploma de acadêmica honorária correspondente. Então ela, na qualidade de confreira, mackenzista, está sendo prestigiada pela AML para lançar seu livro”.

 Questionada sobre a importância do lançamento acontecer no Mackenzie, a autora disse que é por conta da importância e do prestígio da Universidade. “Conheci o Mackenzie em 2016, e encontrei estudantes maravilhosos, educados e muito interessados”. Vitulia manifestou também que se sente em sua casa e que é uma honra para ela e sua família ter um livro publicado. “Meu pai era professor de história e me ensinou o amor por Benedetto Croce e pelo bem cultural, patrimônios muito frágeis”, concluiu.

III Congresso Internacional de Biodireito & Desenvolvimento Tecnológico

O lançamento aconteceu durante o III Congresso Internacional de Biodireito & Desenvolvimento Tecnológico, organizado pelo Grupo de Pesquisa GBio da Faculdade de Direito (FDir) da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) e coordenado professora Ana Cláudia Scalquette. O congresso foi realizado nos dias 24 e 25 de setembro.