Ética e Cidadania

Mackenzie debate liberdade cristã nos Estados modernos

Encontro discutirá soluções do âmbito político ao administrativo, passando pela noção atual de Estado

26.04.201918h19 Comunicação - Marketing Mackenzie

Compartilhe nas Redes Sociais

O Auditório da Escola Americana, campus Higienópolis, recebe no dia 30 de abril o Diálogo com Universitários: A defesa cristã da liberdade nos Estados Modernos, evento que aborda uma temática que transita entre o debate público, a política e questões religiosas.

Organizado pelo Centro Mackenzie de Liberdade Econômica (CMLE) e pelo Centro de Educação, Filosofia e Teologia (CEFT), ambos da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), o encontro apresenta uma série de palestras e rodas de conversa com especialistas nos variados temas, ajudando a resolver problemáticas e trazer soluções do âmbito político e administrativo para o universo acadêmico.

No contexto do surgimento do Estado moderno, o pensamento social cristão assumiu, em alguns momentos, uma postura crítica a respeito de interpretações da liberdade como independência de quaisquer tradições éticas e religiosas tradicionais para as quais o Estado aparece como garantia da esfera de livre pensamento e ação individual.

A concepção cristã de liberdade procurava harmonizar, em contraste, o livre arbítrio individual e uma direção na qual o potencial da pessoa deveria se desenvolver, entendida por vezes como a plenitude da natureza humana. Mais recentemente, a defesa cristã da liberdade voltou-se contra a tendência do Estado moderno de subsumir – em nome da defesa dos direitos – o papel das diversas esferas comunitárias de promover o bem-estar e a realização das pessoas.

Nesse contexto, o Mackenzie sedia o fórum com a intenção de ampliar ainda mais os horizontes da discussão, orientando-se pela experiência de especialistas.