Saúde e Bem-Estar

Campanha Novembro Azul

Mackenzie realiza ação de conscientização contra o câncer de próstata

07.11.201818h19 Comunicação - Marketing Mackenzie

Compartilhe nas Redes Sociais

Mackenzie realiza ação de conscientização contra o câncer de próstata

O câncer de próstata é a doença mais comum entre os homens acima de 50 anos e é a segunda doença que mais mata homens no Brasil e no mundo. No Brasil, são mais de 14 mil óbitos. Mesmo sendo uma doença usual em homens acima dessa idade, ela também pode aparecer mais cedo, principalmente quando se tem histórico familiar da doença. Atento à questão, o Mackenzie realiza campanha de conscientização contra a doença.

Segundo dados disponibilizados pelo Ministério da Saúde, as estimativas apontam 68.220 novos casos da doença em 2018. Esses valores correspondem a um risco estimado de 66,12 casos novos a cada 100 mil homens e o grande problema é que, no início, a doença nem sempre apresenta sintomas, o que determina a importância dos exames nos homens que se encontram na faixa de risco.

Para saber mais, confira o bate-papo sobre a prevenção do câncer de próstata que tivemos com o médico Aldemir Rizzo, encarregado do Serviço Médico do Mackenzie:

Quais são os fatores de risco para o desenvolvimento do câncer de próstata?

Idade acima dos 50 anos; maior incidência em homens negros e pessoas com antecedentes no histórico familiar; dieta de risco e consumo de produtos com agrotóxicos; tabagismo; e inflamações recorrentes na próstata.

Como prevenir a doença?

Hábitos de vida saudáveis são essenciais, tais como a prática de exercícios, evitar a obesidade, não fumar e dar preferência à alimentação natural.

Quais são os sinais e sintomas?

O câncer de próstata, em sua fase inicial, não se traduz em sinais e sintomas. Com a evolução da doença, podem aparecer dificuldades para urinar com diminuição da força do jato de urina e dor à micção. Em fases mais avançadas, podem surgir hematúria, ou seja, sangue na urina e dor pélvica.

Quais exames são realizados para detectar o câncer?

São realizados exames de imagem como ultrassom pélvico ou transretal, tomografia ou ressonância magnética, biópsias, toque retal realizado pelo médico especialista e exame de urina e de dosagem do PSA - antígenos específicos da próstata, no sangue.

Homens sem sinais ou sintomas devem fazer o exame?

Com certeza! A partir dos 50 anos de idade, todo homem, preventivamente, deve se consultar com um médico especialista uma vez ao ano.

Qual é o tratamento caso a doença seja detectada?

O tratamento pode ser feito com cirurgia, radioterapia ou quimioterapia, dependendo do estadiamento da doença.

Qual é a importância de realizar um acompanhamento médico?

Quando a doença é descoberta ainda na fase inicial, há maiores chances de cura.

Saúde e Bem-EstarInstitutoDestaque