Atualidades

A importância dos Estudos da linguagem para a sociedade

Mostra de Pós-Graduação em Letras apresenta trabalhos que possuem relevância social na construção de pensamento crítico

07.11.201918h52 Comunicação - Marketing Mackenzie

Compartilhe nas Redes Sociais

O evento de abertura da XXIII Mostra da Pós-Graduação em Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) foi realizado nesta terça-feira, 06 de novembro, no campus Higienópolis, com uma palestra sobre a importância social dos estudos de linguagem e literatura. O tema foi o norte do evento, que serve também para apresentação de trabalhos feito por estudantes da UPM e de outras instituições. 

A palestra de abertura foi proferida pela professora da Universidade Federal Fluminense, Lúcia Teixeira. Para ela, a pesquisa linguística apresenta grande relevância, pois é um caminho para o pensamento crítico. “Não é uma pesquisa para construir ponte ou curar doenças, mas para ensinar as pessoas a olharem para o mundo e compreenderem a constituição de ser de linguagem”, disse. 

Para a professora, o estudo da linguística pode ajudar no desenvolvimento de outras áreas do conhecimento. “Se você forma professores, eles vão formar outros profissionais. E se conseguimos trabalhar a relação entre textos, cultura e artes, vamos formar pessoas mais críticas e autônomas, capazes de compreender as relações sociais”, declarou. 

No atual contexto brasileiro, de grande polarização política, os estudos da área são ainda mais necessários, mesmo que as ciências sofram com a falta de verbas e contingenciamentos de orçamentos. “Vivemos um período complicado no Brasil, com muita agressividade, muita intolerância e pouco diálogo e capacidade de ouvir o outro. O saber e a ciência vão sobrepor a ignorância e a grosseria. É um tempo que estamos vivendo e que vai passar”, concluiu Lúcia.

“O objetivo é estimular discussões de temas relativos aos estudos linguísticos, literários, culturais, e também temas relacionados ao ensino e à aprendizagem da língua e da literatura”, afirmou o professor da UPM, José Gastón Hilgert, sobre a realização do evento. 

Troca de saberes

Além da palestra, a Mostra da Pós-Graduação em letras, que terminou no dia 7 de novembro, contou com a participação de 125 alunos, que apresentaram as pesquisas que realizam em 26 mesas de debate. Além dos alunos do mestrado e doutorado da UPM, o evento recebeu trabalhos de outras universidades do Brasil inteiro. 

A coordenadora do curso de pós-graduação da UPM, Regina Helena Brito, acredita que essa mostra é uma oportunidade dos estudantes divulgarem suas pesquisas. “Uma das premissas da pós-graduação, além de incentivar a produção acadêmica, é também fazer a difusão e a promoção do saber”, complementou ela.