"A Universidade Presbiteriana Mackenzie possui uma perspectiva explícita, uma cosmovisão declarada; esta é a sua confessionalidade."

Graduado e Mestre em Teologia Sistemática e Hermenêutica pelo Theological Seminary of the Reformed Episcopal Church/Philadelphia Theological Seminary – 1990, graduado em Planejamento, Gestão Pública e Comunitária pela University of Massachusetts – 1994 e Doutor  (Ph.D.) em Estudos Históricos,  Teológicos e  Apologética pelo Westminster Theological Seminary  em 2000. Pastor presbiteriano há mais três décadas, desenvolveu ministérios diversos, incluindo plantio e pastoreio de igrejas, docência no ensino superior e em cursos de Pós-Graduação, além de diversas funções executivas no Brasil e nos Estados Unidos.

É pastor titular da Igreja Presbiteriana Paulistana. Tem ocupado posições como membro e liderança em comissões da Igreja Presbiteriana do Brasil e organizações cristãs internacionais, como Presidente da Comissão de Relações Inter-Eclesiásticas (CRIE) da IPB e, Diretor Internacional—CEO da World Reformed Fellowship (WRF). Dirigiu o Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper, do Instituto Presbiteriano Mackenzie, de 2004 a 2013, ensinando e orientando nas áreas de Teologia e Filosofia, com ênfase em questões de: Cosmovisão. Apologética, Filosofia da Educação, Teologia, Reforma Protestante, Cultura e Fé,Epistemologia e Confessionalidade.

É autor de diversas publicações no Brasil e nos EUA, incluindo Analisando a Crítica Marxista: de Prometeu a Proteus; Calvino e a Influência de seu pensamento (org.); Educação Escola Cristã, História, Conceitos e Práticas Pedagógicas (org.); sua tese de doutorado De rationibus cordis coram deo:The Limits of Michael Polanyi's Epistemology, além de vários artigos como Indo além da discussão de "fatos" e A Suposta Morte da Epistemologia e o Colapso do Fundacionalismo Clássico. É Chanceler do Mackenzie desde 2013.