As Ligas do Design Inteligente (DI) buscam fomentar entre estudantes de graduação e pós-graduação a visão científica do Design Inteligente, que é o estudo de sinais de inteligência na natureza. Esse estudo parte do pressuposto fundamental de que exista uma teleologia inerente do universo e da vida, em oposição ao paradigma materialista puro, que assume a exclusividade da matéria e de forças naturais sem controle ou propósito.

Dentro do paradigma do Design Inteligente, a visão mais coerente sobre a natureza é a de que ela seja entendida como um macrossistema formado por subsistemas interdependentes, na qual interagem moléculas e máquinas para produzir e manter a vida inteligente. A compreensão de como esses subsistemas são interdependentes requer reunião de conhecimentos de diversas áreas das ciências naturais, cuja unidade é encontrada dentro desse paradigma, que reconhece essa interdependência como sinais de inteligência e da “engenharia” do mundo natural.

Dessa forma, as Ligas do DI visam preparar uma nova geração de pensadores, pesquisadores e cientistas, preparada para os desafios culturais e científicos oferecidos em oposição a essa concepção teleológica do universo e da vida. Nesse sentido, as Ligas do DI colaboram para um discurso científico verdadeiramente laico na sociedade, que contemple as mais recentes descobertas cientificas, dentro de uma teoria que promova a valorização do ser humano, em oposição a teses puramente materialistas, indiferentes às aspirações humanas.

Próxima 5ª feira, às 17:00, assista ao vivo ao encontro da Liga Mackenzie de Design Inteligente.