Compartilhe nas Redes Sociais

Objetivo

Refletir sobre as influências sócio-culturais na realidade atual dos transtornos alimentares e obesidade; discutir a multidisciplinariedade no tratamento; oferecer subsídios teóricos e clínicos para a detecção, compreensão e manejo de tais pacientes.

Público-Alvo

Psicólogos, psicanalistas, nutricionistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, médicos, educadores e estudantes de último ano das referidas áreas.

Administração do Curso